a

[ Principal ][ Biografias ][ Releituras ][ Novos escritores ]

© Projeto Releituras
Arnaldo Nogueira Jr


Ligia Piola é paulistana, Secretária-Executiva, Bacharel em Relações Internacionais e micro-empresária. Participa do jornal Café Literário desde 2002 e tem um livro publicado: "Amor... Paixão... Eu...", lançado na 17ª Bienal Internacional do Livro, em São Paulo. Participou de várias antologias e prepara um novo livro que pretende publicar em 2009. Seus lindos versos homenageiam o poeta René Char.


As mãos do hoMem

Ligia Piola


As mãos do homem,
Criam, talhando pedras, mesclando cores,
harmonizando sons.
Criam, arando a terra, plantando a semente,
colhendo fruto e flor.
Criam, juntando palavras, dando vida ao texto,
aplaudindo o ator.
As mãos do homem,
Feitas para amparar, para distribuir, para dividir.
As mãos do homem.
Feitas para acariciar, para abraçar, para o amor.
O que fizeram com suas mãos, homem?
Que passou a agredir, passou a violentar, passou a roubar.
O que fizeram com suas mãos, grande homem?
Que deixou de raciocinar, deixou de respeitar, deixou de socorrer.
O que fizeram com suas mãos, super-homem?
Que se deixou cegar pelo poder.
Que se deixou levar pelo desamor.
Que se deixou conhecer pelo terror.


Lígia
fala sobre o poeta francês:

O poeta René Char (1907 - 1988) nasceu nos arredores de Avignon, Provença, sul da França. Homem de letras, militante político, interlocutor de filósofos, amante da Filosofia, pesquisador das linguagens visuais e verbais, interlocutor de pintores, amante e devoto da pintura, intelectual multifacetado. Pouco se encontra de sua poesia nas livrarias brasileira. Alguns de seus pensamentos:

- "Um homem sem defeitos é uma montanha sem fendas. Não me interessa".

- "O poeta deve ser capaz de perceber o poético escondido na escuridão, mesmo porque para ele, o poético nada mais é do que uma iluminação, um instante de visão mágica em que a poesia se desvela e se mostra como uma eclosão luminosa."

- "O poeta deve manter o equilíbrio entre o mundo físico da vigília e o perigoso bem-estar do sono; a vitalidade do poeta não é a vitalidade do além, mas um ponto diamantado atual de presenças transcendentes e de tempestades peregrinas."

- "Je vais dévoller tous les mystères: mystères religieux ou naturels, mort, naissance, avenir, passe, cosmogonie, néant. Je suis maitre en fantasmagories."


E-Mail: ligia.piola@sti.com.br e ligiapiola@yahoo.com.br

Blog :
www.ligiapiola.blogstpot.com

 

[ Principal ][ Biografias ][ Releituras ][ Novos escritores ]

© 1996—2007 PROJETO RELEITURAS — Todos os direitos reservados.
O PROJETO RELEITURAS — UM SÍTIO SEM FINS LUCRATIVOS — tem como objetivo divulgar trabalhos
de escritores nacionais e estrangeiros. Aguardamos dos amigos leitores críticas, comentários e sugestões.
A todos, muito obrigado. Arnaldo Nogueira Júnior. ®@njo

a